logotipo vinhos.online

 

Este Site é independente!
Não está associado a nenhuma entidade produtora, engarrafadora, distribuidora, reguladora, ou quaisquer outras.
"Vinhos do Douro entre os melhores de 2006, segundo Wine Spectator"
Notícia in Agroportal de 30-12-2006

4 Vinhos portugueses, todos da região demarcada do Douro e sob a alçada do Instituto dos Vinhos do Douro e do Porto, constam da lista dos 100 melhores vinhos de 2006 da prestigiada revista norte-americana Wine Spectator.

Vinhos nacionais sobressaem também nas gamas de preços mais acessíveis, os Great Values, e ainda dentro da categoria “Classic-scoring releases of 2005”. Estes resultados atestam a eficácia das estratégias de promoção que o IVDP tem vindo a realizar.

O Quinta do Vale Meão de 2004 foi o vinho nacional mais bem classificado pela revista, ocupando o 18º lugar da tabela do top 100 de 2006. Seguem-se o Reserva “Old Vines” 2004 da Quinta do Crastro, em 47 º lugar, o Churchill Estates 2004 da Churchill, em 69º lugar e o Altano Reserva 2003, Touriga Franca (Symington), que ocupa o 97º posto.

Na classificação dos Great Values, isto é, vinhos com uma pontuação igual ou superior a 90 pontos e preços iguais ou inferiores a 15 $, também tem uma forte representação portuguesa. Dos 42 vinhos eleitos pela revista para esta categoria, 3 são portugueses e, uma vez mais, da Região do Douro: Vértice 2003, das Caves Transmontanas, Churchill Estates 2004 e Prazo 2004 da Quinta de Roriz.

A “Classic-scoring releases of 2005” inclui na sua lista 215 vinhos, 13 dos quais são nacionais, todos da Região do Douro, sendo 3 DOC Douro (Quinta do Vale Meão e dois da Quinta do Crasto) e os restantes 10, Vinho do Porto, Vintage 2003: Noval com 2, Roriz, Croft, Fonseca, Churchill, Delaforce, Gould Campbell, Niepoort e Q. Vesúvio.

Os vinhos da Região Demarcada do Douro (sejam Douro ou Porto) assumem-se cada vez mais como uma referência na excelência de qualidade no plano internacional, ocupando um lugar de cada vez maior destaque em revistas especializadas e com uma reputação mundial, como é o caso da Wine Spectator.


<< Página Anterior

     

 

Todos os direitos reservados. © 1997-2016 VinhosOnline
Os nomes, logotipos e marcas registadas apresentados neste site são propriedade dos seus respectivos detentores.